Back

Plenary Session marca terceiro dia da presença da AIDA na 74.ª Electronic Components and Technology Conference (ECTC)

O terceiro dia da 74.ª Electronic Components and Technology Conference (ECTC) começou com uma Plenary Session sobre o tema “Future of Semiconductor Industry”, onde foram apresentadas soluções e materiais de nova geração por startups, incluindo MicroLEDs e System-In-Package, gestão térmica, dielétricos e metalização, debatidos por um painel de investigadores. A AIDA CCI teve a oportunidade de falar com Sam Karikalan, Exhibits Chair da ECTC, sobre a participação da Agenda Microeletrónica como expositora na próxima edição da ECTC em Dallas.

Durante o dia, prosseguiu-se também a visita às tecnologias e produtos mais recentes de empresas líderes, universidades e entidades de investigação, como o Institute of Microelectronics (IME) de Singapura, onde Surya Bhattacharya demonstrou interesse em colaborar com a Agenda Microeletrónica através de uma visita de empresas portuguesas ao instituto e a CEA-Leti, representada por Sylvie Joly, que se mostrou interessada em conhecer mais sobre os resultados da Agenda Microeletrónica. Sylvie será, de resto, também oradora no evento Leti Innovation Days, a realizar-se no próximo mês em Grenoble, França.

Neste dia da ECTC, os representantes da AIDA CCI falaram também com Joana Catarina Mendes, investigadora do Instituto de Telecomunicações da Universidade de Aveiro, sobre a integração de diamante artificial em aplicações eletrónicas para diminuir a temperatura de funcionamento dos semicondutores e reduzir o consumo energético global.

Simarpeet Rattan, representante da Microsoft – Washington, mostrou também interesse na área do advanced packaging e chiplet assembly packaging, e após conhecer a Agenda Microeletrónica, manifestou a intenção de seguir o projeto de perto.

A Agenda da Microeletrónica foi criada no âmbito das agendas mobilizadoras do Plano de Recuperação e Resiliência português com o objetivo de reforçar a capacidade produtiva e de inovação da indústria nacional de semicondutores e microeletrónica. Envolve um conjunto de 17 parceiros e procura contribuir para o posicionamento de Portugal na linha da frente no mercado da gestão, produção, distribuição e reciclagem de semicondutores, capazes de fornecer devidamente a Europa e outros países à escala mundial.

Os 25 novos produtos, processos e serviços resultantes da Agenda têm como objetivo transformar o setor da microeletrónica e contribuir para a sua resiliência, competitividade e sustentabilidade ecológica, e permitirão ao ecossistema português acompanhar e antecipar as necessidades do setor.

O projeto “Agenda Microeletrónica” decorre de 1 de janeiro de 2022 a 31 de dezembro de 2024 e é cofinanciado a fundo perdido no valor total elegível de 6.749.3749,13€ pelo Plano de Recuperação e Resiliência português através do Next Generation EU.

Agenda da Microeletrónica
Agenda da Microeletrónica
https://micro-electronics.eu

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This website stores cookies on your computer. Cookie Policy